MoveFifty: funcionários da Capgemini se exercitam em todo o mundo para arrecadar até €100 mil para três organizações não governamentais

Publish date:

A Capgemini, um dos líderes globais em consultoria, tecnologia e serviços de terceirização, continua a celebração do seu 50º aniversário com o lançamento de um desafio para seus 190 mil funcionários em todo o mundo: o MoveFifty. A ação unirá todas as operações da empresa, presentes em 40 países, para arrecadar até €100 mil (cem mil euros) para três entidades focadas em educação: Ciudad Quetzal, Enlight e Cap Sur Le Code. Cada quilômetro percorrido até outubro contribuirá para a doação.

Os funcionários da Capgemini poderão ajudar a arrecadar fundos de duas formas. A primeira é por meio do aplicativo KM for Change, pelo qual é possível escolher uma das três instituições, acumular quilômetros praticando esportes (como corrida, ciclismo, nado, caminhada, etc.) e apoiar uma doação de até €50 mil (cinquenta mil euros) a ser dividida de acordo com o número de quilômetros dedicados a cada projeto. A segunda maneira é um desafio virtual pelas redes sociais: a Capgemini doará até €50 mil (cinquenta mil euros) se os seus funcionários fizerem publicações no Instagram, Facebook ou Twitter, usando a hashtag #Capgemini50, que somem um mínimo de 200 mil compartilhamentos.

Ao longo das últimas cinco décadas, a Capgemini sempre foi uma organização em evolução, que nunca está parada e está sempre evoluindo. O MoveFifty é, portanto, uma maneira perfeita de incorporar o senso de progresso, fun e espírito de equipe, inerentes à nossa empresa“, diz Christine Hodgson, diretora de Responsabilidade Social Corporativa e membro do comitê executivo do Grupo. “Eu sei que nossas equipes abraçarão esse desafio nos próximos meses em apoio às comunidades em que vivemos e trabalhamos. Estou ansiosa para motivá-los em todo o mundo“.

Três instituições de caridade serão beneficiadas pela iniciativa do MoveFifty. Todas tem como foco apoiar a educação e são organizações nas quais os funcionários da Capgemini já realizam algum tipo de trabalho voluntário:

  • Ciudad Quetzal, na Guatemala, fornece às crianças guatemaltecas da comunidade de Ciudad Quetzal infraestrutura escolar básica. Em 2014, a escola foi destruída por fortes chuvas e foi quando os funcionários da Capgemini começaram a se envolver com a instituição. Por meio de uma contribuição voluntária mensal de funcionários e de um valor correspondente da Capgemini, o grupo arrecadou US$ 67 mil (sessenta e sete mil dólares) em 9 meses, resultando em uma nova escola composta por 4 salas de aula, banheiros e móveis. Este ano, existem dois projetos adicionais em andamento.
  • Enlight, na Índia, trabalha com meninas de famílias em situação de risco de comunidades marginalizadas para proporcionar acesso a uma educação de qualidade, com o objetivo de garantir que cada garota complete um mínimo de 10 anos de escolaridade. 
  • Cap Sur Le Code, na França, ensina crianças de 8 a 14 anos como codificar em um ambiente divertido e envolvente. Lançado em junho de 2016, o programa foi projetado por meio de uma parceria entre Capgemini, Cantine Numèrique e CCO Nantes.

open_data_maturity_in_e...

Tamanho do arquivo: 3,61 MB File type: PDF
cookies.
By continuing to navigate on this website, you accept the use of cookies.
For more information and to change the setting of cookies on your computer, please read our Privacy Policy.

Fechar

Fechar informações de cookies