Descubra como a Capgemini vem Vivendo o Futuro desde 1967 

Serge Kampf foi inspirador em cada momento decisivo da jornada da Capgemini. Em 1967, ao inaugurar a empresa em Grenoble, com apenas um punhado de funcionários, ele foi o primeiro a entender o que era necessário para que um provedor de serviços pudesse alcançar o sucesso no novo – e ainda não compreendido – mundo da TI.

 

Eu me lembro carinhosamente do ano de 1993, quando Serge me convidou para integrar o time e trabalhar ao seu lado. Quase 25 anos depois, o Grupo Capgemini cresceu reforçou sua posição no ranking global, classificando-se entre os melhores da indústria. Podemos nos orgulhar do nosso sucesso. Nós o devemos não só àqueles que confiaram em nós – como nossos clientes, funcionários, acionistas e parceiros -, mas também ao nosso fundador, um criador excepcional e campeão da indústria, um profissional como poucos, que é difícil de se encontrar.

O que mais me fascinava em relação ao Serge era seu interesse tanto pelas pequenas coisas quanto pelas maiores. Era capaz de entrar meticulosamente nos detalhes mais precisos do funcionamento interno da empresa e, no momento seguinte, definir elementos-chave da estratégia global do Grupo na velocidade de um raio, antecipando as tendências da indústria mesmo antes que emergissem completamente. Ele não se contentava com o confortável e toda sua jornada, assim como a do Grupo, resultou do encontro de um sutil equilíbrio entre ser ousado e ser racional. Ser ousado nos leva a assumir riscos e ser racional nos permite dar foco à fome de novas aventuras. Serge não teve medo de reinventar continuamente a corporação que construiu. Sua visão exigente, a obsessão por resultados e sua paixão pelas pessoas nunca deixaram de me surpreender. Mas, ainda mais importante, ao longo de sua carreira ele lutou com unhas e dentes pelos valores que o tornaram a pessoa que foi. Estes eram valores profundamente humanos que dialogam com todos nós, são o alicerce da cultura da Capgemini e permanecem profundamente mantidos nos corações dos nossos 200 mil funcionários.

Depois de 50 anos, a Capgemini se tornou uma companhia verdadeiramente global e multicultural, inabalável na estrutura ética que orienta nossas operações e fortemente vinculada à independência. Somos GLOBAIS, porque estamos firmemente ancorados tanto na Europa, o lugar onde nascemos, quanto nos Estados Unidos – e, mais recentemente, na Índia e no Brasil; e MULTICULTURAIS, porque incorporamos os princípios da diversidade. Não temos uma cultura dominante, mas uma extraordinária miscelânea que transcende os limites culturais.

Agora, cabe a nós e a todos aqueles que se juntarem ao time no futuro, escrever o próximo capítulo desta incrível história. Continuaremos a atender às altas expectativas dos clientes, superando os avanços tecnológicos do futuro.

Continuaremos a garantir que a tecnologia digital e a nuvem, assim como a inteligência artificial e a automação, sejam entendidas como ferramentas que chegaram para nos empoderar, ao invés de nos substituir. Para isso, a Capgemini deve continuar a transformar, a inovar e a assumir riscos com o mesmo desejo e determinação demonstrado por todas as pessoas que fizeram do Grupo o que ele é hoje.

Feliz aniversário, Capgemini!

– Paul Hermelin, Presidente e CEO do Grupo Capgemini